Palavra Aberta

Do jeito que está, o Brasil só vai conseguir universalizar o serviço de saneamento básico em 2050. Com a experiência de quem foi por três vezes prefeito de uma cidade, Jundiaí, que resolveu seus problemas nessa área e está no topo do ranking nacional do Instituto Trata Brasil, o deputado federal Miguel Haddad mostra, em entrevista ao programa Palavra Aberta, da TV Câmara, como poderíamos antecipar a universalização do saneamento básico no Brasil.

Entre em contato!