Uma oportunidade para crescer

JJ

Com a estabilidade econômica e o aumento da demanda de produtos brasileiros, a economia nacional tem alcançado taxas de crescimento expressivas, razão pela qual muitas administrações contam, hoje em dia, com os recursos necessários para realizar obras que, décadas atrás, eram simplesmente impossíveis de serem executadas.

Um exemplo é o Plano de Expansão do Transporte Metropolitano do Governo do Estado de São Paulo, no valor de mais de R$ 18 bilhões, o maior investimento já feito no setor, que irá aumentar em cerca de 55% o transporte o transporte de passageiros sobre trilhos e diminuir em 25% o tempo de viagem. O passageiro que toma hoje, em Osasco, um dos trens novos que começaram a chegar em janeiro deste ano, com ar condicionado e assentos anatômicos, e vai até o outro extremo da cidade, o Grajaú, como se estivesse em um metrô de superfície, utiliza um transporte metropolitano igual ao de muitas das melhores cidades do mundo.

Nos próximos quatro anos esse serviço de qualidade deverá se estender até Jundiaí, que ficará assim conectada, através de um verdadeiro metrô de superfície, ao Metrô de São Paulo. Além disso, essa linha nos conectará às estações do chamado trem-bala, permitindo que, em questão de poucas horas, possa-se chegar ao Rio de Janeiro.

As possibilidade econômicas, sociais e culturais desse tipo de mobilidade são difíceis de se imaginar. O certo é que, se Jundiaí se preparar para aproveitar as vantagens que esse futuro quase imediato nos oferece, poderemos avançar ainda mais, no sentido de melhorar a nossa qualidade de vida e de assegurar às gerações futuras um desenvolvimento sustentável.

Para isso é preciso entender que apenas a existência de recursos não é a única condição determinante para que a nossa cidade, valendo-se dessas vantagens, dê um salto de qualidade em seu desenvolvimento. Para aproveitar esse momento local e mundialmente favorável, a condição essencial é que a administração desses recursos públicos seja feita com eficiência e tenha objetivos claros, prazos definidos e gerenciamento modelar.

Caso Jundiaí siga esse caminho, poderá alcançar um novo patamar em termos de qualidade de vida e melhores oportunidades para todos. As condições objetivas para isso estão dadas. Caso agora à sociedade, a todos nós jundiaienses, estarmos atentos e lutar em defesa dos interesses de nossa cidade. O primeiro passo para conseguirmos avançar nesse caminho é definir quais são as nossas prioridades. E, dentre elas, qual é a prioridade número um.
Se observarmos a trajetória das comunidades de sucesso, nos países mais avançados, não resta dúvida de que essa prioridade deve ser dada à educação. Através da educação é possível aproveitar as novas oportunidades, melhorar o salário, a empregabilidade, a renda familiar e manter um desenvolvimento crescente e sustentável. É por meio da educação que um país ou uma cidade consegue produzir a matéria-prima mais importante deste início de século: o conhecimento.

A cada dia, com o desenvolvimento da tecnologia e o emprego de métodos cada vez mais sofisticados de produção e gestão, os requisitos básicos para se ter sucesso no mercado de trabalho dependem da qualidade da formação profissional. No presente, o desenvolvimento econômico somente beneficia a todos se for acompanhado de um esforço paralelo na capacitação, desde o ensino básico, passando pelo ensino médio e profissionalizante até o ensino superior, capaz de formar tanto tecnólogos quanto pesquisadores de alto nível.

As cidades que investirem no ensino de qualidade, na inclusão digital, na promoção do hábito da leitura, da aprendizagem da matemática e da ciência estarão fazendo o que é necessário para obter maior e mais renda e melhor qualidade de vida para suas populações.

Os próximos anos serão decisivos para nossa cidade. As possibilidades nunca foram tão promissoras. Projetos de integração regional e de melhoria do transporte, saneamento, habitação e saúde, desde que sejam bem elaborados e administrados por gestores de comprovada competência, com certeza contarão com a parceria do Governo do Estado.

Aproveitar essa oportunidade para crescer dependerá apenas das nossas escolhas.

Entre em contato!